Quinta-feira, 19 de maio de 2022, às 12:16:32- Email: [email protected]



Conta gov.br bate recorde em fevereiro com 250 milhões de acessos

Consultas ao abono salarial, por meio da Carteira Digital de Trabalho, e aos resultados do Enem, foram alguns dos destaques

O acesso às contas gov.br bateu recorde em fevereiro, com 250 milhões de transações em diversos serviços públicos. As consultas ao abono salarial, por meio da Carteira Digital de Trabalho, aos resultados do Enem, ao Sisu e ao serviço de resgate de dinheiro esquecido do Banco Central, por exemplo, foram destaques no mês.

A conta faz parte da plataforma do governo federal, lançada em 2019, que já tem 125 milhões de cidadãos cadastrados e cerca de 3,6 mil serviços online. Além dos serviços citados acima, também estão presentes a Carteira Ditigal de Trânsito, Meu INSS, SUS, Fies, Prouni, eSocial, Juntas Comerciais, entre outros.

Está crescendo, mas não só por essa política do Banco Central [dos valores a receber], mas por diversas outras. Cada vez mais estão exigindo essa qualificação, esse nível de conta mais seguro, então é um movimento que inaugura uma nova fase do governo digital, dos serviços públicos cada vez mais sofisticados e relevantes para a população”, afirma o secretário de Governo Digital do Ministério da Economia, Fernando Mitkiewicz.

- Advertisement -

Neste mês de março, os serviços do IR 2022, como a declaração pré-preenchida, e o de valores a receber de instituições financeiras, no Banco Central, passaram a exigir conta gov.br nos níveis ouro ou prata, que demandam mais autenticações como reconhecimento facial e autorização via aplicativo.

O login para acessar serviços públicos digitais está disponível a todos os brasileiros no site gov.br, em três níveis de segurança: bronze, prata e ouro. O aumento do nível de segurança ocorre com serviços que envolvem o acesso de informações sigilosas ou o pagamento de benefícios pelo governo.

“Os níveis prata e ouro vêm exatamente garantir um fator a mais de segurança para essas contas com acesso a serviços diferenciados, como a consulta a valores a receber, do Banco Central, benefícios do INSS, e a declaração pré-preenchida da Receita Federal”, explica o secretário de Governo Digital.  “É uma funcionalidade avançada que exige acesso a informações sensíveis. Precisa ter esse nível de conta mais mais segura.”

Por isso, a partir desta semana, quando começa o agendamento do saque do valor a receber de instituições financeiras, por meio do Banco Central, o cidadão precisará ter conta nível prata ou ouro. O mesmo acontecerá a partir de 15 de março, quando será liberada a declaração pré-preenchida do Imposto de Renda 2022, no e-CAC da Receita Federal.

Entenda o que é a conta gov.br

As contas gov.br são utilizadas para acessar 3,6 mil serviços públicos e têm três níveis de segurança: bronze, prata e ouro, sendo bronze o nível considerado básico, e ouro, o de segurança máxima.

Para resgatar o dinheiro esquecido, será preciso ter uma conta de nível prata ou ouro.

Dessa forma, quanto maior a segurança da validação dos dados do usuário, em bases da Justiça Eleitoral ou via certificado digital, por exemplo, maior o nível da conta.

Como aumentar o nível de sua conta gov.br

O primeiro nível de conta gov.br é o bronze, cujo grau de segurança é considerado apenas básico.

O nível prata é obtido por meio de:

• Validação facial pelo aplicativo gov.br para conferência de sua foto nas bases da Carteira de Habilitação (CNH)

• Validação de seus dados com usuário e senha do Sigepe (Sistema de Gestão de Pessoas), para quem é servidor público federal

• Validação via internet banking de um dos sete bancos credenciados: Banco do Brasil, Caixa, Sicoob, Bradesco, Santander, BRB e Banrisul. Todos os correntistas destas instituições podem entrar no gov.br (acesso.gov.br), clicando em “Seu banco”.

Como acessar a validação pelo seu banco

1. Acesse o link: acesso.gov.br
2. Acesse em “Outras opções de identificação” a opção “Seu banco”
3. Ao abrir a tela, clique no banco onde tem conta bancária

O nível ouro é obtido por meio de:

• Validação facial pelo aplicativo gov.br para conferência de sua foto nas bases da Justiça Eleitoral

• Validação de seus dados com Certificado Digital compatível com ICP-Brasil

Onde saber mais sobre os níveis da conta gov.br: https://www.gov.br/governodigital/pt-br/conta-gov-br

Compartilhar notícia:






Veja mais notícias